Monday, October 09, 2006

SERVIDÃO




És tu Senhor...Aquele que traça a história de minha vida
em cada poro servido a ti.
Sou lascivo querubim em teu leito, desnudo,
com penas e asas queimando no fogo profano
consumindo tua cama.
Entrego-te a servidão de minha alma
no anseio que me faz vadia
em detrimento do teu prazer
entrelaçado no silêncio
de tua ordenança.
Gosto do jogo,
vergões em fogo,
tatuagem na pele suada,
simbiose de tortura e prazer
no banho que dás na fêmea oferecida
a beber o sangue, a beber o cio...
Pequeno córrego entre as pernas,
sinal sagrado da (im)perfeição humana.
Vânia Moraes

16 Comments:

Anonymous Anonymous said...

Saudações!
Obrigado por compartilhar um pouquinho de seu espaço comigo
::::::::::::::::::::::::::::
Tenha um Lindo dia
Cadi
:::::::::::::::::::::
Alma da Terra

10:46 PM  
Blogger Daniele said...

Minha querida Vânia,
Como sempre um deleite puro, entre o extase e o lirismo.
Sou sua fã,
Beijos poéticos e profanos,
Da amiga,
Dani

5:04 AM  
Blogger karvoeiro said...

servidão não! olá...

9:17 AM  
Anonymous Casal Anjo Sensual said...

Vim agradecer o carinho e a sua visita. Seu cantinho é muito especial, posso linkar?
Desejo-te um lindo feriado, repleto de "brincadeiras" e guloseimas...
Bjssss Cláudia

11:52 AM  
Anonymous Lindinha said...

Delicioso!!
Tem post novo lá em casa, viu? Te espero.
Um excelente final de semana procê.
Beijo no coração...

“Decifra-me... ou devoro-te... Arrisque-se se for capaz.”

7:36 AM  
Anonymous Lindinha said...

Nunca tive pretensão de concorrer a nada, mas o Decifra-me foi indicado para ser destaque da quinzena, por isso vim te pedir: se achas que mereço, vota lá, tá?
Te post novo também.
Uma ótima semana pra tu!
Beijo no coração...

“Decifra-me... ou devoro-te... Arrisque-se se for capaz.”

7:57 AM  
Blogger Edmar Costa Barros said...

Lindo!!!
Fantástico!!!!
Maravilhoso!!!!
Estupendo!!!!!

Com um visual desses, nem precisa de fotos.

Muito bom mesmo

9:51 AM  
Anonymous Vivi_pantoja said...

Nossa ta muito legal seu blog viu??
saudades
te amo0o0o d+++

q Deus lhe abençoei e continue lhe enxendo de talento..
bjussssssssss

11:29 AM  
Anonymous Dalila Flag said...

Oi, amiga!
Agora vou discordar de vc: "Pequeno córrego entre as pernas,
sinal sagrado da (im)perfeição humana". Imperfeição? De jeito nenhum: perfeição. Absoluta. Assim como todo o seu poema. Lindo mesmo.
Beijos, querida... a primeira mulher de Adão, a poderosa, a que preferiu ser rainha no inferno do que escrava no paraíso. (O mito de Lilith sempre me fascinou e c/ ela me identifiquei de cara.

4:22 PM  
Anonymous guto leite said...

Fala ai minha amiga ... como Dalila em suas sábias palavras falou sobre “O Pequeno córrego entre as pernas” ... eu concordo com ela em gênero numero e grau ... embora continue achando vcs bichos esquisitos ... onde já se viu sangrar cinco dias e não morrer ... um beijo grande do amigo tijucano guto leite

4:40 AM  
Anonymous Seda said...

Olá Vânia
Passei pra agradecer sua visita e conhecer teu cantinho...e confesso...amei...voltarei mais vezes pra ler tudo...desejo um lindo dia pra ti e deixo bjos com tok de SEDA

6:25 AM  
Anonymous Bill said...

Estou sem fôlego...

Lindas palavras, fortes e cheia de sentimento...

Adorei, voltarei sempre...

:****

7:21 PM  
Anonymous Lindinha said...

Vim avisar que tem post cheio de sedução no Decifra-me.
Desejo um final de semana cheio de prazer, desejos e sonhos!!!
Beijo no coração...

“Decifra-me... ou devoro-te... Arrisque-se se for capaz.”

9:33 AM  
Anonymous Dalila Flag said...

Vim ver se tem coisa nova. Kd o novo post??? Ta demorando. Beijocas

10:13 PM  
Blogger maristotelica.blogspot said...

Vou ficar elogindo,
elogiando,
elogiando.....
embevecidamente elogiano!
Maris

9:40 AM  
Blogger anonimamentepatetica said...

Primeira vez que conheço seu blog, muito bom, gostei do que vi. :)

8:34 AM  

Post a Comment

<< Home

E se eu tiver que ficar nu, hei de envolver-me em pura poesia, e dela farei minha casa, minha asa...loucura de cada dia - Vander Lee

Free JavaScripts provided
by The JavaScript Source